Notícias

Nota de Pesar por Arnaldo Oliveira Júnior

21430100_10213547819066043_6378177259468830895_n
Enviar por e-mail
Imprimir página Imprimir agora
Tamanho das letras A+ A-

Na manhã desta quinta-feira (11/06), a diretoria do Sinpro Minas foi surpreendida com a triste notícia da morte precoce de um de seus integrantes, Arnaldo Oliveira Júnior.

O Professor Arnaldo era bacharel e mestre em Direito. Atuou na formação de diversos advogados e bacharéis em Direito no estado de Minas Gerais, em cursos da PUC Minas, Faculdade Dom Hélder Câmara, dentre outras conceituadas instituições de ensino.

Arnaldo estava em seu terceiro mandato na diretoria deste sindicato, tendo se dedicado à defesa da categoria, especialmente o direito de greve –  esteve atuante nas últimas greves puxadas por nossas assembleias, em defesa dos direitos conquistados.

Atuava também como advogado, principalmente na área cível.

Partiu em um repentino acidente motociclístico em Belo Horizonte, aos 47 anos, deixando pais, dois filhos adolescentes e um imenso vazio e tristeza em todos que com ele conviveram.

Sua esposa, Camila Fam, estava na garupa da motocicleta, no momento do acidente, e infelizmente também nos deixou.

Arnaldo Oliveria Júnior e Camila Fam, presentes! Hoje e sempre!

Diretoria do Sinpro Minas 

Comentários (2)

  1. Muita dor deixa Arnaldinho com sua morte prematura. Conheci Jr. Ainda rapaz, namorado e noivo de sua esposa. Lembro da primeira gravidez. Casal incrìvel, Jr. Um homem de valor. Meu sincero pesar a Ronaldo pai e esposa pela imensa dor que sentem.

  2. Que Deus conforte os familiares e a todos que com ele conviviam. Que momento difícil!

Deixe um comentário