Notícias

Professores do setor privado recebem apoio de docentes da UFMG

fundo-vermelho
Enviar por e-mail
Imprimir página Imprimir agora
Tamanho das letras A+ A-

Caros e caras colegas professores/as das escolas particulares em greve

Como professores e professoras de várias escolas públicas de educação básica e de ensino superior, enviamos-lhes nossa saudação e irrestrita solidariedade pelo movimento grevista que realizam. Um movimento que expressa uma atitude digna e valorosa, uma atitude necessária para a manutenção e ampliação de direitos trabalhistas duramente conquistados. Um movimento generoso, porque ultrapassando as causas trabalhistas, vocês defendem a educação como direito social, como direito de todos, nao como mercadoria.

Estamos orgulhosos/as e solidários/as a cada uma e a cada um de vocês, pois os/as vemos prosseguir e reinventar nossas lutas do presente e de outras décadas, sempre tão necessárias e significativas.

Estamos orgulhos/as e solidários/as a vocês porque a greve, quando necessária, é uma forma vigorosa e coerente de reivindicarmos direitos trabalhistas e de lutarmos pelo direito à educaçao.

Estamos orgulhosos/as e solidários/as a vocês, porque essa é uma greve que clama por uma educação de qualidade humana e social, como direito de todos/as, para a qual a valorização material e simbólica, o respeito e a ética para com os professores e professoras é condição imprescindível.

Estamos orgulhosos/as e solidários/as a vocês, porque os movimentos reivindicatórios por direitos sociais são mais ou tão educativos quanto nosso trabalho de professores e professoras no dia a dia da escola. O movimento grevista é a nossa lição nesses dias! É o nosso dever de casa!

Estamos orgulhosos/as e solidários/as a vocês, pois a greve náo é somente uma forma de pressão, ela è uma forma de expressão, como aprendemos com Michele Perrot, historiadora francesa. Expressão de dignidade, de determinação e de valentia na luta pela construção de mundo mais justo, mais igualitário, mais equitativo. Mais fraternal. Expressáo de que, como sujeitos históricos, continuaremos homens e mulheres livres.

Estamos orgulhosos/as e solidários à coragem de vocês, pois sabemos de longa data, das dificuldades e tensões que surgem em movimentos grevistas no setor privado da educação.

Esperamos que tenham a compreensão de que necessitam frente às justas reivindicações do movimento e que tenham determinação, calma, lucidez e discernimento para o levarem a bom termo, dele saindo mais unidos/as, mais companheiros/as. Esperamos que tenham a compreensão e a solidariedade da comunidade escolar e o reconhecimento da justeza das reivindicações da greve por parte dos proprietários de escolas e dos tribunais do trabalho.

Nosso abraço grato e fraternal.

Belo Horizonte, primeiro de maio de 2018. Salve o nosso dia!!!

Profa. Inês A.C. Teixeira (Profa. Aposentada PUC/MINAS e FAE/UFMG. Ex-diretora e presidente do SIMPRO MINAS

Prof. Paulo Henrique Nogueira – Faculdade de Educaçao da UFMG

Juarez Tarcísio Dayrell – Faculdade de Educaçao da UFMG

Profa. Ana Lúcia Azevedo – Rede Municipal de Ensino de Belo Horizonte

Profa. Marlucy Paraíso – Faculdade de Educaçao da UFMG

Profa. Alzira De Oliveira Jorge – Faculdade de Medicina da UFMG

Profa. Deise Luíza da Silva Ferraz – Faculdade de Ciências Econômicas da UFMG

Profa. Alessandra S. Santos – Centro Pedagógico da UFMG

Prof. Bernardo Jefferson Oliveira – Faculdade de Educaçao da UFMG

Profa. Maria Dirlene Trindade Marques – Faculdade de Ciências Econômicas da UFMG

Profa. Ana Elisa Cruz Correa – COLTEC/UFMG

Prof. Adolfo Henrique Cienfuentes – Professor da Escola de Belas Artes – EBA/UFMG

Prof. Lucia Fantinel – Professora da UFMG

Profa. Maria Stella B. Goulart – Psicologia –FAFICH/UFMG

Profa. Renata Lima Aspis – Faculdade de Educaçao da UFMG

Profa. Solange C. Bicalho Godoy – Faculdade de Enfermagem da UFMG

Prof. Claudio Scliar – Professor do IGC /UMFG

Profa. Maria Cristina Soares Gouvea – Faculdade de Educaçao da UFMG

Prof. Sebastiao José Nascimento Pádua – ICEX / UFMG

Profa. Teresa Kurimoto – Professora da UFMG

Prof. Valter Pádua – Professor da UFMG

Prof. Unaí Tupinambá – Faculdade de Medicina da UFMG

Comentários (0)

Deixe um comentário