Notícias

Vitória dos trabalhadores: Carteira Verde e Amarela é derrubada no Senado

carteira_de_trabalho_-_agencia_brasil
Enviar por e-mail
Imprimir página Imprimir agora
Tamanho das letras A+ A-

Na última segunda-feira (20/04), a Medida Provisória (MP) 905, que instituía a Carteira de Trabalho Verde e Amarela, foi derrubada no Senado. A notícia traz um alívio para a classe trabalhadora, especialmente neste momento em que os patrões, aproveitando-se da pandemia causada pelo novo coronavírus, querem retirar ainda mais direitos dos trabalhadores.

A MP 905, conhecida como “MP da Escravidão”, propunha, entre outras barbaridades, a desoneração das empresas e oneração dos trabalhadores; desregulamentação da jornada de trabalho; enfraquecimento das negociações coletivas e até a criação de um conselho sobre acidentes de trabalho sem a participação dos trabalhadores.

Diante de tantos ataques, as Centrais Sindicais, com o apoio da oposição no Senado, iniciaram um intenso trabalho para derrubar a MP 905. As Centrais também criaram um site de esclarecimentos na internet e promoveram um tuitaço com a frase “Caduca MP 905”.

O esforço deu resultado, mas, apesar da vitória, os trabalhadores precisam continuar atentos. Jair Bolsonaro – inimigo da classe trabalhadora – já avisou que não desistiu deste projeto que, na prática, só atende os patrões. A luta entre capital x trabalho segue intensa.

Por isso, a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil em Minas Gerais (CTB-MG) conclama os sindicatos filiados, bem como os seus trabalhadores, a permanecerem unidos.

Somente a nossa união e consciência de classe será capaz de derrubar esses e outros retrocessos patrocinados pelo atual governo.

Fonte: CTB Minas 

Comentários (0)

Deixe um comentário