Fortaleça a sua categoria!

Como posso me sindicalizar?

Para se sindicalizar ao Sinpro Minas, é necessário que o professor/a esteja em pleno exercício da profissão em alguma instituição de ensino da rede privada de Minas (exceto Juiz de Fora).

A sindicalização pode ser feita pessoalmente, na sede do sindicato, ou enviando a documentação completa e legível pelo correio ou escaneada para o e-mail recepcao@sinprominas.org.br.

Documentos necessários para sindicalização:

  • Carteira de trabalho (cópia das páginas: foto, qualificação civil, todos os contratos de trabalho até a página de contrato posterior em branco e página de anotações gerais, caso tenha alguma informação referente ao contrato como professor/a);
  • Carteira de identidade;
  • CPF;
  • Título de eleitor;
  • Último contracheque, referente a cada contrato de trabalho como professor na rede privada;
  • Ficha de sindicalização (devidamente preenchida e assinada). Clique aqui para acessá-la.
  • Termo de autorização (devidamente preenchido e assinado nas 3 vias). Clique aqui para acessá-lo.

Informações

A sindicalização é um ato de extrema importância. Ao sindicalizar-se, o professor (a) fortalece e amplia a representação da categoria, dando ao sindicato mais força para lutar pela manutenção das conquistas, ampliação dos direitos e por melhores condições de trabalho e vida para todos.

Aos sindicalizados, o Sinpro Minas oferece assessoria jurídica, previdenciária, convênios, bolsas de estudos (de acordo com critérios estabelecidos nas CCT’s), descontos em cursos, além de vários outros benefícios.

Entre as diversas atividades desenvolvidas, o sindicato também atua:

  • Nas negociações com os sindicatos patronais, para a celebração das Convenções Coletivas de Trabalho (CCT’s), garantindo conquistas sociais e econômicas;
  • Na representação política da categoria, participando das ações de cidadania ou de denúncias de atos contra os direitos dos trabalhadores e da sociedade;
  • No fortalecimento da categoria, unindo os professores em torno de interesses comuns;
  • Na fiscalização do cumprimento das conquistas da categoria;
  • Na promoção da cultura e na atualização profissional, por meio da oferta de cursos, palestras e oficinas;
  • Na defesa de uma educação de qualidade, com condições dignas de trabalho e vida para a categoria.

Outros serviços